Não vamos desistir, diz Luiza Trajano após ataques racistas a programa de contratação só para negras e negros no Magalu

Não vamos desistir, diz Luiza Trajano após ataques racistas a programa de contratação só para negras e negros no Magalu

O anúncio do Magazine Luiza de que fará um trainee exclusivo para negros foi alvo de ataques no último fim de semana, sob argumento de que a iniciativa seria ilegal e racista.

Porém, a empresária Luiza Helena Trajano, presidente do conselho de administração do Magazine Luiza, diz que vai continuar. Para ela as críticas já eram esperadas, mas sustenta que o programa tem respaldo legal.

No sábado (19), a juíza do Trabalho Ana Luiza Fischer Teixeira de Souza Mendonça afirmou no Twitter que o programa era inadmissível. Os deputados federais bolsonarisitas Carlos Jordy (PSL-SP) e Daniel Silveira (PSL-RJ) disseram que a iniciativa seria ilegal.

Atualmente, o Magazine Luiza tem em seu quadro de funcionários 53% de pretos e pardos. Mas apenas 16% deles ocupam cargos de liderança, informa a Folha de S.Paulo. Segundo a empresa, o programa de trainees lançado nesta sexta-feira é o primeiro exclusivo para negros do Brasil. O salário é de R$ 6,6 mil, com benefícios e bônus de contratação de um salário.

A reportagem da jornalista Bruna Narcizo informa ainda que candidatos de todo o país podem participar, desde que tenham disponibilidade para se mudar para São Paulo. Caso o selecionado seja de fora da cidade, receberá um auxílio-mudança.

Em entrevista , a empresária conta que a decisão de lançar o programa de trainee foi do conselho, diretores e os funcionários negros. Ela acrescenta que “há uns três ou quatro anos eu reservo três vagas a mais no nosso programa de trainee só para negros. Mas nunca conseguimos [preenchê-las]. Eles não se inscreviam. O processo seletivo não ia de acordo e a gente entendeu que as exigências excluíam negros”.

“O que a gente sente é que a sociedade custa a entender o que é o machismo estrutural e o racismo estrutural”, diz .

Luiza Helena Trajano diz que a empresa já esperava as críticas, “mas tem coisas muito agressivas”. Explica que o programa de trainee do Magalu “foi a forma que a gente encontrou. É uma solução para empresa, não uma solução geral. A gente respeita pontos de vista diferentes”.

Questionada por que esse tipo de iniciativa ainda incomoda tanto, a empresária respondeu que “as pessoas ainda não têm profundo conhecimento do tamanho do racismo estrutural que vivemos. Mas é claro que o ponto de vista diferente faz parte do processo, e entendemos isso. Nós estamos muito felizes de quebrar esse paradigma e nesses dois dias já recebemos muitas inscrições. Ficamos muito felizes”.

Fonte: noticiasdabahia

30/09/2020

Deixe seu comentário

Sobre

A Academia Brasileira de Marketing é uma iniciativa e propriedade intelectual do Madiamundomarketing, idealizada no final dos anos 90, e institucionalizada em março de 2004.

Parceiro

ABRAMARK

ABRAMARK
Drug Synthroid Online (Levothyroxine) is used for treating low thyroid hormone levels and certain types of goiters. Abilify (Aripiprazole) is used for treating agitation caused by schizophrenia or bipolar disorder, depression. Click to see full text here:
Acquistare Cialis here.
>