As 50 Marcas do Brasil

As 50 Marcas do Brasil

“Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão” – Clarice Lispector

A revista Marketing está completando 50 anos. Definitivamente, não é pouca coisa. É muita!

Especialmente num país em que a taxa de mortalidade das empresas é uma espécie de anátema do qual temos de nos livrar via educação, treinamento, formação e capacitação de novos empresários.

Vocação empresarial existe, mas o despreparo é maior. Mortalidade de publicações, então, uma tragédia.

Nesses primeiros 50 anos foi o registro, o depósito qualificado e confiável, a memória do que de melhor se fez e praticou de marketing em nosso país.

Quando foi lançada, o marketing era uma força em crescimento, com consistentes perspectivas, mas restringia-se aos consagrados 4 “Ps” de Jerome McCarthy.

Hoje os “Ps” são 12 e o marketing converteu-se na ideologia das empresas modernas e de sucesso. Marketing e sua alma gêmea, ou irmã siamesa, o branding. As duas faces de uma mesma moeda.

Faz-se marketing para posicionar a empresa, produtos e serviços em consonância com as expectativas, necessidades, vontades e desejos das pessoas.

Faz-se branding para informar e sensibilizar essas pessoas que o que queriam está pronto, disponível e acessível em todos os planos e sentidos, e atende por um determinado “naming”.

Que aos poucos, gradativamente, mediante branding de excepcional qualidade, vai se convertendo numa marca de respeito e admiração na cabeça e no coração de seus agora clientes e demais stakeholders.

Foi isso que Marketing, a revista, fez nos seus primeiros 50 anos. E vai continuar fazendo em todos os próximos. E aí peneirou-se esses 50 anos em busca de As Marcas do Brasil.

Uma espécie de número zero de uma nova premiação, As Marcas do Brasil.

Agora, para celebrar a efeméride; a partir do ano que vem, para reconhecer, enaltecer e reverenciar as marcas que ano após ano vão conquistando sucessos e vitórias, e, simultaneamente, inspirando todas as demais empresas para que sigam caminhos paralelos, próximos ou semelhantes.

Depois de devidamente peneiradas, chegou-se a um total superior a 300. E essas 300 foram submetidas à análise e julgamento dos acadêmicos do marketing. 40 profissionais e empresários que integram a Academia Brasileira de Marketing.

E as vencedoras serão reconhecidas e reverenciadas, publicamente, em solenidade a ser realizada no correr deste ano, e são:
Em alimentos e bebidas, Antarctica, Brahma, Coca-Cola, Kibon, Nestlé, Sadia e Vigor.

Em automóveis, Chevrolet, Fiat, Ford, Nissan e Volkswagen; em bancos e financeiras, Banco do Brasil, Bradesco, Itaú, Mastercard e Visa.

Em comunicação, Globo, Record, Y&R, WMcCann, Ogilvy, AlmapBBDO e DPZ&T.

Em educação, ESPM e FGV; em energia e indústria, Embraer, Ipiranga, Petrobras e Ultragaz.

Em higiene e beleza, Colgate, Gillette, Natura, O Boticário, Johnson&Johnson; em limpeza, Bombril, Omo e Veja; em moda, Havaianas, Hering e Nike.

Fonte: Propmark

 

26/10/2016

 

Deixe seu comentário

Sobre

A Academia Brasileira de Marketing é uma iniciativa e propriedade intelectual do Madiamundomarketing, idealizada no final dos anos 90, e institucionalizada em março de 2004.

Parceiro

ABRAMARK
Drug Synthroid Online (Levothyroxine) is used for treating low thyroid hormone levels and certain types of goiters. Abilify (Aripiprazole) is used for treating agitation caused by schizophrenia or bipolar disorder, depression. Click to see full text here:
Acquistare Cialis here.
>